Três Lagoas/MS, Sábado, 26 de Maio de 2018 | 04:18
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Terça-Feira, 23 de Janeiro de 2018, 18h:38
Tamanho do texto A - A+

Advogado é preso por morte de motociclista na BR-158, após quase 9 anos

Em 2015, autor foi condenado a seis anos de reclusão em regime inicial semiaberto

Flávio Brito
Capital News

O advogado Arthur Felipe Silva Sian foi preso depois de quase 9 anos do acidente que matou o motociclista Ederson Abadio Ferreira, na BR-158 em Três Lagoas. De acordo como site JP News, a batida aconteceu no dia 14 de fevereiro de 2009, quando ele dirigia embriagado. À época, Sian era estudante de direito.

 

Em 2015, o advogado foi condenado a seis anos de reclusão em regime inicial semiaberto tendo a garantia de recorrer em liberdade. A prisão foi feita na semana passada e o recurso foi negado pela Justiça, informou o site de Três Lagoas.

 

No dia do acidente, o acadêmico saiu de uma festa em uma república de universitários em Três Lagoas, onde havia bebido e, segundo a sentença, “assumindo o risco de produzir a morte de terceiros, como efetivamente ocorreu”. Ele não conseguiu fazer uma curva enquanto seguia pela rodovia que corta a cidade, e acabou invadindo a pista contrária, provocando o acidente que matou Ederson.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix