Três Lagoas/MS, Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018 | 02:09
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quinta-Feira, 28 de Junho de 2018, 10h:25
Tamanho do texto A - A+

Centro de Atividades de Trânsito recebe título de utilidade pública

Cematran desenvolve um trabalho pedagógico com alunos de 9 a 17 anos na Capital e Três Lagoas

Flávio Brito
Capital News

Frederico Miranda/PMMS

Centro de Atividades de Trânsito recebe título de Utilidade Pública

O projeto Cematran (Centro Educativo de Múltiplas Atividades de Trânsito) que existe há mais de 19 anos

O Diário Oficial do Estado traz, nesta quinta-feira (28), a publicação da Lei 5.219, que declara de Utilidade Pública Estadual o Centro Educativo de Múltiplas Atividades de Trânsito (Cematran), com sede e foro em Campo Grande. Segundo o autor da nova norma, deputado Barbosinha (DEM), a entidade desenvolve um trabalho pedagógico, recreativo, cultural, reforço de aprendizagem e ações de educação no trânsito com crianças e adolescentes.

 

“Na prática, as crianças e adolescentes descobrem a importância do respeito às leis, portanto, acabam se tornando multiplicadores na segurança no trânsito. Em atuação há quase cinco anos, o Centro Educativo de Múltiplas Atividades de Trânsito tem atuado significamente para melhorar o trânsito em Campo Grande, realizando abordagens aos condutores, chamando a atenção para os cuidados na estrada, bem como na realização de campanhas educativas”, afirmou.

 

De acordo com as informações da Polícia Militar do Estado, o centro iniciou suas atividades em 1998, na Capital, com o objetivo de formar crianças e adolescentes multiplicadores da segurança no trânsito e já realizou 3.140 atendimentos até o ano de 2014.

 

O projeto foi levado para Três Lagoas em 2012, inicialmente com nome de Patrulha de Educação no Trânsito. Hoje, as atividades desenvolvidas na região leste ocorrem no quartel do 14º Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, com um trabalho voltado para dar ao aluno a percepção da importância do respeito às leis de trânsito, educar e orientar crianças e adolescentes de 9 a 17 anos, formando cidadãos que sejam multiplicadores na segurança no trânsito, participando de campanhas e blitz educativas, colaborando com as autoridades estaduais e municipais na educação para o trânsito. Ainda de acordo com a PM, o trabalho é realizado com parcerias firmadas com a prefeitura de Três Lagoas e empresários locais.

 

Denominação de rodovia

Também foi sancionada a Lei 5.218, de autoria do 1º secretário da Casa de Leis, deputado Zé Teixeira, que denomina “Julia de Oliveira Cardinal” o trecho da rodovia estadual MS-379, que liga a sede do município de Laguna Carapã ao cruzamento da MS-386, em Aral Moreira.

 

O Diário Oficial ainda traz a revogação da Lei Estadual 262 (Declara de Utilidade Pública o Centro de Recuperação Esperança) e da Lei Estadual 3.967 (Declara de Utilidade Pública o Instituto Samaritano de Políticas Públicas Albert Schweitzer). Conforme o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Junior Mochi (MDB), o motivo é o encerramento definitivo das atividades oferecidas por essas entidades.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix