Três Lagoas/MS, Sábado, 29 de Abril de 2017 | 11:37
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Segunda-Feira, 13 de Fevereiro de 2017, 07h:51
Tamanho do texto A - A+

Agricultor enforca esposa e enterra corpo em fazenda

Homem carregou o corpo com a ajuda de um trator, fez um buraco com uma escavadeira e enterrou a mulher sentada

Myllena de Luca
Capital News

Celso Daniel/TVC

Agricultor enforca esposa e enterra corpo em fazenda

Os policiais demoraram 3h para encontrar o corpo

O agricultor Luciano Nunes Brito, de 41 anos, matou a esposa, de 42 anos, enforcada e enterrou o corpo em uma fazenda. O homem confessou o crime e foi preso em flagrante. O crime aconteceu na sexta-feira (10), porém o corpo foi encontrado no fim de semana, em Três Lagoas.

A filha, de 19 anos, foi procurar a mãe e Luciano afirmou que havia ocorrido uma briga. De acordo com informações do Jornal do Povo, ele contou que foi agredido com um tapa no rosto e saiu de casa.

Ainda de acordo com a história do marido, ao retornar para o almoço não encontrou a esposa. Os familiares suspeitaram e acionaram a polícia. Os parentes da Vanda e Luciano foram até o 2º Batalhão da Polícia Militar para saber como estavam as buscas. Quando foi questionado pelos policiais, o homem demonstrou estar nervoso e entrou em contradição. Em seguida confessou que havia enforcado com uma corda de nylon e enterrado o corpo.

Em detalhes afirmou que brigou com a mulher, ela pegou uma faca para cometer suicídio. Luciano contou que impediu que a mulher tirasse a vida, mas em seguida a matou. O corpo foi colocado em um saco e enterrado em frente a uma fazenda onde o casal vivia.

Luciano carregou o corpo com a ajuda de um trator. Fez um buraco com uma escavadeira e enterrou Vanda sentada. Após enterrar o corpo, jogou alguns galhos secos por cima da cova. Com a ajuda do homem, os policiais conseguiram encontrar o corpo após 3h de escavação. Luciano foi autuado em flagrante por feminicídio e ocultação de cadáver.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix