Três Lagoas/MS, Quinta-Feira, 23 de Novembro de 2017 | 13:34
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Segunda-Feira, 31 de Julho de 2017, 14h:51
Tamanho do texto A - A+

Menino abusado na rua disse aos policiais que abusos eram frequentes

“Ele [idoso] sempre me obrigava a fazer isso. Muitas vezes, me dizia que iria dar R$ 1 ...”

Cristiano Arruda
Capital News

JPNEWS

Menino abusado na rua disse aos policiais que abusos eram frequentes

Menino abusado na rua disse aos policiais que abusos eram frequentes

 

O menino de 11 anos que foi abusado sexualmente por um idoso neste domingo (30), conversou com os policias de Três Lagoas e contou o ocorrido, segundo ele o caso acontecia com frequencia no local.

 

A criança estava bastante assutada e aos policiais contou que homem de 66 anos oferecia a ele o valor de R$ 1,00 para que o masturbasse, “Ele [idoso] sempre me obrigava a fazer isso. Muitas vezes, me dizia que iria dar R$ 1. Se eu não fizesse isso, ele me puxava pelo braço e colocava a minha mão nas calças dele”.

 

Conforme noticiado pelo site JPNews, a criança perdeu os pais há 4 meses e desde então ele está morando com uma tia, que aparentemente seria a nora do idoso. Em depoimento o menino chegou a dizer que dormiu na residência do idoso na noite de sábado (29), porém o mesmo naõ teria tentado nada. 

 

O idoso é vendedor ambulante, e comercializa pães nas ruas da cidade e muitas vezes a criança sai na companhia do homem para fazer as vendas.

 

Caso

JPNEWS

Menino abusado na rua disse aos policiais que abusos eram frequentes

Menino abusado na rua disse aos policiais que abusos eram frequentes

O idoso foi preso em flagrante pela Polícia Militar, após ser flagrado molestando sexualmente de uma criança de 11 anos, no meio da rua em Ponta Porã.

 

Os militares receberam informações de que perto a uma escola da região, um idoso estaria abusando de um menino, no local a policia encontrou a criança passando a mão no órgão genital do homem por cima das calças. No mesmo momento ele foi abordado e preso pelos policiais.

 

Ainda conforme a polícia militar, o menino passava a mão por sobre a calça do homem e depois senta no seu colo e tudo aconteceu em plena luz do dia e em um local de muito movimento da cidade.

 

O idoso tentou se defender alegando que todo o ato não passava de uma brincadeira.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix