Três Lagoas/MS, Domingo, 05 de Julho de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Sábado, 09 de Maio de 2020, 11h:37
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Roupa infantil: 4 sites para trocar e vender peças para crianças e bebês

Por Aline Reis

Da coluna Moda e Beleza
Artigo de responsabilidade do autor

Estas plataformas ligam pais que querem comprar e vender, em uma corrente de consumo sustentável econômico

Divulgação

ColunaModaEBeleza

A chegada de um filho é um momento de muita alegria e de mudanças radicais na estrutura da família. Além de tempo na rotina dos pais, o bebê também demanda diversos utensílios novos, que, geralmente, não são nada baratos. Berço, carrinho, triciclo, banheira, brinquedos: todos esses itens, apesar de muito necessários, podem ficar obsoletos rapidamente, já que durante a primeira infância a criança cresce com maior velocidade e suas necessidades mudam.


As roupinhas e os sapatos são onde é possível perceber mais rápido o desenvolvimento do neném. De um mês para o outro, as peças adquiridas pelos pais já não servem mais. Hoje, existe uma grande variedade de roupas para bebês – desde camisas de botão e vestidos mais elaborados, que fazem par com a moda adulta, seguindo a tendência do “mamãe/papai e bebê”, até tendências mais descoladas e divertidas, como tênis All Star infantil. Apesar da variedade, muitas mães deixam de explorar peças diferenciadas para seus filhos, temendo pagar caro em uma roupa que será pouco usada.


Como uma solução para reduzir os preços, praticar o desapego e criar uma corrente de consumo mais sustentável, diversas marcas tomaram a iniciativa de criar sites e aplicativos para ligar famílias que querem vender e comprar itens infantis em boas condições de uso e por um valor mais acessível. Nelas, é possível encontrar vestuário, mobília, brinquedos e livros voltados ao público infantil. Anote estas indicações.


ReKids: o aplicativo permite que roupas sejam anunciadas e a negociação dos preços, forma de pagamento e entrega sejam feitas diretamente com quem está vendendo, sob sigilo. O app abrange todo o território brasileiro, mas, para facilitar as buscas, tanto para quem anuncia, quanto para quem quer comprar, é possível restringir os resultados por localização.


Segunda mãozinha: esta opção é um guia de brechós infantis. O intuito é ajudar pais a encontrar lojas de itens de segunda mão com qualidade próximos de casa, além de indicar também comércios online.


Não Cabe Mais: o site tem o foco em peças seminovas de marcas mais requintadas. O Não Cabe Mais seleciona apenas itens que ainda estão com etiqueta, foram usados poucas vezes e estão em excelente estado de conservação.


Quintal de Trocas: a empresa é pioneira na criação de uma plataforma de trocas de brinquedos, 100% gratuita e online, para o Brasil inteiro. Além dos anúncios de produtos no próprio site, o Quintal de Trocas também reúne informações sobre feiras de itens infantis em diversas cidades.

 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix