00:00:00 Sábado, 20 de Julho de 2024


Cotidiano Terça-feira, 04 de Abril de 2017, 15:56 - A | A

Terça-feira, 04 de Abril de 2017, 15h:56 - A | A

Baixo Efetivo

Com poucos funcionários nos Correios, sindicato pede apoio a vereadores em reunião

Representante da classe alega que o baixo efetivo tem prejudicado entrega de correspondências em Três Lagoas

Gian Nascimento
Capital News

Divulgação/Câmara de Três Lagoas

Com poucos funcionários nos Correios, sindicato pede apoio a vereadores em reunião

Encontro fez parte da série de reuniões entre sindicalistas e vereadores da região do Bolsão

O baixo número de trabalhadores nos Correios de Três Lagoas e região fez com que o assunto fosse tratado nesta terça-feira (4) entre o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios e Telégrafos em Mato Grosso do Sul (Sintect/MS), Vinícius Peron, e um grupo de vereadores. O sindicalista vem se reunindo com vereadores das cidades do Bolsão, para pedir apoio na cobrança pela nomeação de mais funcionários.

Atualmente, segundo o sindicato, a região conta com 37 trabalhadores concursados, que atendem a demanda além de Três Lagoas, de Brasilândia, Água Clara e Santa Rita do Pardo. No entanto, o número de trabalhadores na ativa varia, porque há aqueles que têm direito a férias ou estão de atestado médico, assim, os serviços de entrega vêm sendo prejudicados nos últimos meses.

O objetivo do sindicato é mobilizar as Câmaras para ter força política, e pressionar a presidência dos Correios, a oferecer melhores condições de trabalho, bem como, a realização de concursos públicos, para se cumpra a função social da empresa.

“O Sindicato sozinho não tem força, necessitamos do apoio dos senhores para que possamos atender com qualidade Três Lagoas e dar suporte para os demais municípios. O Estatuto Social dos Correios define que o objetivo não é dar lucro e sim cumprir com a demanda social”, disse o representante dos trabalhadores dos Correios no encontro com os parlamentares.

Com o conhecimento da situação passada, os vereadores se comprometeram a encaminhar ofício para as bancadas, deputados e senadores, solicitando atenção para a questão dos Correios local e ainda orientaram o sindicalista a solicitar apoio de todas as Câmaras, para ganhar a força política necessária.

Comente esta notícia