Três Lagoas/MS, Quarta-Feira, 08 de Julho de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quarta-Feira, 13 de Maio de 2020, 08h:21
Tamanho do texto A - A+

MS é o estado com menos casos e mortes pelo novo coronavírus

Para Reinaldo Azambuja, planejamento e ações coordenadas representam o sucesso no combate à pandemia

Hélder Rafael
Capital News

ms.gov.br

MS é o estado com menos casos e mortes pelo novo coronavírus

MS é o estado com menos casos e mortes pelo novo coronavírus

Planejamento e ações coordenadas são os principais motivos que fazem Mato Grosso do Sul ter o menor número de casos e mortes por Covid-19 no país. Essa é a avaliação do governador Reinaldo Azambuja, entrevistado pelo programa Pingo nos Is, da Jovem Pan. Até terça-feira (12), Mato Grosso do Sul tinha 405 casos confirmados de Covid-19 e 12 mortes. 

 

A coordenação das ações foi feita por meio do Centro de Operações Especiais contra o Coronavírus e contou com a participação de todas as secretarias estaduais. 

 

“Dia 31 de janeiro montamos o Centro de Operações Especiais, divididas as responsabilidades por todas as secretarias: Saúde, Segurança Pública, Educação, Assistência Social. E planejamos algumas ações importantes, algumas paralisações, paralisação de aulas, de algumas atividades, mantivemos alguns serviços essenciais, criamos o teletrabalho para o servidor, baixamos praticamente 70 aplicativos do governo do Estado para evitar a vinda das pessoas nas repartições públicas e conversamos com os 79 municípios”, explicou Reinaldo Azambuja.

 

 

O governador contou que o Estado está preparado caso aconteça um aumento no número de casos. Foram criados 214 leitos de UTI (um aumento de 43%) especificamente para atender pacientes com o novo coronavírus e apenas quatro deles estão ocupados. 

 

Entre as medidas destacadas pelo governador Reinaldo Azambuja no combate à proliferação do vírus estão a implantação das 17 barreiras sanitárias nas divisas com outros estados e fronteiras e a implantação do sistema drive thru com hora marcada para exames. Ele também lembrou das medidas para ajudar as famílias com dificuldade financeira durante a pandemia, como a entrega de alimentos e a proibição de corte de água.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix