Sexta-feira, 14 de Junho de 2024


Cotidiano Quarta-feira, 24 de Abril de 2019, 09:51 - A | A

Quarta-feira, 24 de Abril de 2019, 09h:51 - A | A

Saúde

Primeiro Caso confirmado de H1N1 em Três Lagoas alerta a comunidade

Ela é transmitida da mesma maneira que a influenza comum, no entanto, os seus sintomas são mais agressivos

Juliana Brum
De Três Lagoas para o Capital News

Divulgação/Prefeitura de Três Lagoas

Três Lagoas

Rapaz segue internado em Três Lagoas após confirmação da doença como o primeiro da cidade

Rapaz de 36 anos internado em Hospital de Três Lagoas foi confirmado com o vírus H1N1 e permanece internado. Em todo o Estado foram notificados mais de 200 casos de suspeita da doença na qual o dia D de vacinação será no próximo dia 5 de maio, mas muitos grupos já estão sendo vacinados.

Familiares do rapaz passaram pó inúmeros exames na Secretaria de Saúde do município, mas ninguém foi contaminado pelo vírus, todos passam bem.

Esta doença Trata-se de uma doença causada pelo vírus Influenza A H1N1 (Myxovirus influenzae), resultado de uma mutação do vírus da gripe comum. Ela é transmitida da mesma maneira que a influenza comum, no entanto, os seus sintomas são mais agressivos e repentinos. Por isso, é importante que a enfermidade seja reconhecida e tratada ainda no início.

Gripe comum

febre alta;
dor de cabeça tolerável;
dores nos músculos;
calafrios;
tosse;
secreções (catarro).

 

Gripe H1N1

febre alta;
dor de cabeça intensa;
dores nos músculos;
dores nas articulações;
calafrios;
tosse;
falta de apetite;
vômito e diarreia (em alguns casos);
falta de ar e desconforto respiratório.

 

Por sua evolução repentina e acelerada, se não tratada adequadamente a gripe H1N1 pode causar complicações graves, como pneumonia, angústia respiratória e, em casos ainda mais graves, a morte.

Comente esta notícia