Sábado, 22 de Junho de 2024


Cotidiano Quarta-feira, 26 de Junho de 2019, 11:08 - A | A

Quarta-feira, 26 de Junho de 2019, 11h:08 - A | A

Concorrência

Taxistas da cidade pedem providências e direitos iguais em concorrência desleal

Categoria pede que administração fiscalize os aplicativos ilegais na cidade

Juliana Brum
De Três Lagoas para Capital News

Assessoria da Câmara Municipal

Taxistas da cidade pedem providencias e direitos iguais em concorrência desleal

Categoria alega concorrência desleal

A questão de motoristas de aplicativos em Três Lagoas tem gerado desconforto e polêmica dentre os taxistas da cidade, os quais estiveram presentes na sessão da Câmara Municipal de ontem (25), exigindo que haja regras e tributos para os motoristas de aplicativos que atualmente já somam mais de três empresas operando estes serviços, sendo apenas uma legal na cidade.

 

Questões como concorrência desleal, falta de fiscalização do município,mas, sobretudo, segurança para os usuários foram destacadas.

 

“É uma concorrência desleal que os taxistas vêm sofrendo, de pessoas que não pagam os tributos, não têm alvará e fazem o transporte de passageiro”, frisou o vereador Gilmar Tosta.

 

Neste sentido, ele pediu providências e que a categoria deve ser protegida pelo município, que é quem fiscaliza o transporte de passageiros.

 

O vereador Sargento Rodrigues também fez um discurso enfático na tribuna, pedindo providências quanto à questão, chamando atenção para a possibilidade de insegurança, já que não há controle sobre quem presta os serviços.

 

O líder do prefeito na Câmara, vereador Realino, disse que a solução é uma reunião com as pessoas de direito.

Comente esta notícia