00:00:00 Sábado, 20 de Julho de 2024


Cotidiano Terça-feira, 18 de Abril de 2017, 17:43 - A | A

Terça-feira, 18 de Abril de 2017, 17h:43 - A | A

Justiça Eleitoral

Título de eleitor de mais de 1,8 mil eleitores de Três Lagoas pode ser cancelado

Cidadãos que não votaram nas três últimas eleições devem regularizar situação até dois de maio

Gian Nascimento
De Três Lagoas para o Capital News

Reprodução

Título de eleitor de mais de 1,8 mil eleitores de Três Lagoas pode ser cancelado

Para quitação, eleitor deverá apresentar comprovante de justificativa ou de pagamento da multa

Os 1.839 eleitores de Três Lagoas que não votaram nas últimas três eleições têm até o dia dois de maio para ir até o Cartório Eleitoral e regularizar a situação. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o eleitor que não votou nas três eleições consecutivas, terá o título de eleitor cancelado, salvo se houver apresentado justificativa para a falta ou efetuado o pagamento de multa.

Praticamente 5% dos quase 39 mil sul-mato-grossenses que se encontram nesta situação estão em Três Lagoas. No país, mais de 1,9 milhão de cidadãos terão se realizar o procedimento até o fim do prazo para não perder o título de eleitor e seguir em condições de votar, além de não sofrer as penalidades impostas a não posse do documento.

No Cartório Eleitoral, será necessária a comprovação da justificativa de ausência ou do pagamento das multas correspondentes, para quitar a situação com a Justiça Eleitoral. O não comparecimento implicará no cancelamento automático do título de eleitor, a ser efetivado de 17 a 19 de maio de 2017.

A relação de eleitores com inscrições passíveis de cancelamento pode ser consultada pelos interessados nos cartórios eleitorais. Ficam excluídos do cancelamento os eleitores que, por prerrogativa constitucional, não estejam obrigados ao exercício do voto.

Comente esta notícia