00:00:00 Sexta-feira, 19 de Julho de 2024


Economia Sexta-feira, 06 de Janeiro de 2023, 10:34 - A | A

Sexta-feira, 06 de Janeiro de 2023, 10h:34 - A | A

Três Lagoas

Com divulgação da prévia do Censo 2022, municípios de MS podem ter perda na arrecadação

Algumas cidades demonstraram crescimento e aumentaram os índices da fatia destinada ao Estado

Flávio Veras
De Três Lagoas para o Capital News

Divulgação/PMTL

Com divulgação do prévia do Censo 2022, municípios de MS podem ter perda na arrecadação

Três Lagoas

Após a divulgação prévia do Censo 2022, ao menos 11 municípios de Mato Grosso do Sul podem ter perda na arrecadação do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O estudo ainda está sendo elaborado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), pois os recenseadores estão tendo dificuldade para convencer os moradores a responderem o questionário do Censo Demográfico.

Com isso, o Tribunal de Contas da União (TCU) já estipulou o valor que cada estado irá receber dos tributos federais. Pelas regras, os entes federativos têm direito a 22,5% do que foi arrecadado pelo Governo Federal. A verba é fatiada conforme a população de cada estado que, usa as mesmas regras, para destinar os recursos aos municípios  

Portanto, algumas cidades de Mato Grosso do Sul demonstraram queda na população. Esse fator fez o percentual deles caírem. Já outros, como por exemplo Três Lagoas, tiveram aumento populacional e, consequentemente, aumentaram seus repasses.

Municípios de todo o país entraram com representação, junto ao TCE, para que os cálculos sejam realizados apenas com a divulgação oficial do IBGE.

Veja abaixo a lista de municípios que tiveram queda e alta nos percentuais:

Cidade: 2022 – 2023

Queda na população:

Anastácio: 1,40 – 1,20
Bela Vista: 1,40 – 1,20
Camapuã: 1 – 0,80
Coronel Sapucaia: 1 – 0,80
Corumbá: 3,20 – 3
Ladário: 1,4 – 1,2
Maracaju: 2 – 1,8
Naviraí: 2,20 – 2
Paranhos: 1 – 0,80
Ponta Porã: 3 – 2,80
Porto Murtinho: 1,20 – 0,80
Ribas do Rio Pardo: 1,4 – 1,2
Sonora: 1,2 – 1

Aumento populacional:

Água Clara: 1 – 1,20
Bataguassu: 1,20 – 1,40
Bonito: 1,20 – 1,40
Costa Rica: 1,20 1,40
Ivinhema: 1,20 – 1,40
São Gabriel do Oeste: 1,40 – 1,60
Três Lagoas: 3,40 – 3,60

Comente esta notícia