Três Lagoas/MS, Quinta-Feira, 24 de Junho de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Sexta-Feira, 14 de Maio de 2021, 16h:23
Tamanho do texto A - A+

Ação conjunta entre estados libera motoristas reféns

Policiais também localizaram cinco caminhões roubados

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PCMS

Ação conjunta entre estados libera motoristas reféns

Cativeiro dos motoristas

Ação conjunta entre as polícias do Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro e a Polícia Rodoviária Federal, desarticulou um esquema de roubo de caminhões e na liberação de motoristas que eram feitos reféns.

Conforme a Polícia Cil no estado do Rio de Janeiro, dois veículos (caminhão Mercedes Benz e caminhão trator Scania) haviam sido roubados dos proprietários e os donos encaminhados pelos bandidos a um cativeiro na cidade. criminosos contrataram outros dois motoristas para fazer o transporte dos veículos até o Paraguai.

Os motoristas eram “freelancers” e não tinham envolvimento com o roubo dos veículos, sendo que foram contratados sem conhecimento de toda a ação criminosa que estava por trás do transporte. Conforme a investigação, com os documentos em mãos, os motoristas iniciaram a viagem, mas foram abordados pela equipe Policial da PRF/MS, cuja guarnição é lotada no Distrito de Amandina. Os motoristas apresentaram as documentações dos veículos que estavam em dia, mas ao consultar mais detalhadamente no Sistema Integrado, verificou-se que havia queixa de que os veículos haviam sido roubados no Estado de Rio de Janeiro.

Os dois motoristas foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Ivinhema, aonde foram tomadas as declarações e, a princípio, concluiu-se que realmente não têm envolvimento com a ação criminosa do roubo dos caminhões, sendo que apenas foram contratados para fazerem o transporte dos veículos.

Ainda na mesma data, um terceiro veículo foi abordado na Base da Amandina e identicamente se tratava de veículo roubado no Estado do Rio de Janeiro. Posteriormente, um quarto veículo foi abordado na cidade de Ponta Porã, prestes a cruzar a fronteira com Paraguai.

Celulares foram apreendidos, diligências efetuadas, envolvidos foram ouvidos e foi possível localizar o quinto veículo envolvido na ação e ainda, aonde era o cativeiro em que as cinco vítimas eram mantidas reféns.

Em uma área afastada do centro da cidade do Rio de Janeiro, próxima a um morro, rodeada por vegetação, numa pequena casa de alvenaria foram localizados os cinco proprietários dos caminhões, que eram feitos reféns. Todos foram resgatados pela polícia e, embora tenha havido confronto, não houve feridos.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix