Três Lagoas/MS, Domingo, 15 de Setembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quinta-Feira, 01 de Agosto de 2019, 11h:58
Tamanho do texto A - A+

Bandido é preso ao tentar extorquir R$ 300 mil de construtor

Polícia ainda procura pelo comparsa do preso

Elaine Silva
Capital News

Ana Carolina Kozara/Radio Caçula

Uma investigadora de polícia foi até o hospital onde está a vítima para colher depoimento

Comparsa ainda não foi localizado

Marcos Ciriano Ramos, 47 anos, que se passou por cliente para tentar extorquir R$ 300 mil de um construtor e acabou preso pela Polícia Civil de Três Lagoas na última terça-feira (30). Além do acusado a polícia realiza diligências para encontrar seu comparsa que ainda não foi identificado.

Responsável pelo caso o delegado Rodrigo Esperancim Lopes, informou que Marcos entrou em contato com a vítima, com o nome de Ricardo, dizendo que queria contratar um serviço de construção civil e marcou encontro próximo a um restaurante no Centro de Três Lagoas. Durante conversas, a vítima convidou o homem para olhar algumas construções.

Após visitarem algumas obras, o criminoso pediu para o construtor ir até um suposto terreno dele, onde o serviço fictício seria executado.  Quando a vítima vistoriava o imóvel, um segundo indivíduo chegou ao local em um veículo Elantra, cor prata, portando uma arma de fogo, que posteriormente ficou comprovado ser um simulacro. A dupla passou a ameaçar o construtor, dizendo que ele possuía uma dívida e que iria morrer, caso não pagasse a quantia de R$ 300 mil. Segundo a assessoria, a vítima pediu um tempo e apavorada chegou a arrumar parte do valor, R$ 10 mil, marcando para fazer a entrega do dinheiro na Avenida Fillinto Muller, no Centro da cidade.

A Polícia Civil tomou conhecimento do golpe e conseguiu prender o criminoso em flagrante, no momento em pegava o dinheiro da vítima. Ele foi autuado por extorsão e roubo majorado.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix