00:00:00 Sexta-feira, 12 de Julho de 2024


Polícia Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2016, 16:35 - A | A

Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2016, 16h:35 - A | A

Agressão

Marido grava nome de esposa em porrete que usava para agredi-la

A vítima afirmou que só podia sair de casa quando o marido autorizava

Myllena de Luca
Capital News

Rádio Caçula

Marido grava nome de esposa em porrete que usava para agredi-la

Arma da agressão

Sem ver a rua e sair de casa apenas com a autorização do marido, a jovem, de apenas 19 anos, era agredida constantemente. O esposo, de 21 anos, mandou gravar o nome dela no porrete em que usava para a agressão. O caso aconteceu na quinta-feira (15), em Três Lagoas.

A Polícia Militar foi acionada e a jovem informou que o porrete ficava guardado. De acordo com a Rádio Caçula, o marido afirmava que gravou o nome para que ela se lembrasse do quanto ele a amava.

A vítima afirmou que só podia sair de casa quando ele autorizava, caso contrário era ameaçada e agredida. O autor foi autuado em flagrante e responderá por ameaça e vias de fato.

Comente esta notícia