Três Lagoas/MS, Sexta-Feira, 28 de Janeiro de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quarta-Feira, 10 de Novembro de 2021, 09h:09
Tamanho do texto A - A+

Polícia esclarece morte de motociclista em estrada boiadeira

Vítima foi atropelada por um cavalo. Proprietário do animal ainda não foi identificado

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PCMS

Polícia esclarece morte de motociclista em estrada boiadeira

Acidente acontece nesta segunda em Três Lagoas

Motociclista Danielle da Silva Alvim de Queiroz, de 35 anos, morreu nesta segunda-feira (8),  na rua Urias Ribeiro, conhecida como Estrada Boiadeira, em Três Lagoas.  

Divulgação/PCMS

Polícia esclarece morte de motociclista em estrada boiadeira

Dono do animal ainda não foi localizado

 

Durante os levantamentos do local, uma via de terra batida e desprovida de iluminação pública, não foi constatado indícios de envolvimento de outro veículo, dando a entender que a motocicleta havia chocado sua parte frontal, onde estavam situadas a maior parte das avarias. De acordo com a Polícia Civil, na manhã seguinte, policiais civis obtiveram imagens de sistema de monitoramento de prédios da região e apuraram que a motocicleta da vítima teria atropelado um animal, pois pelas imagens foi possível constatar a vítima indo em direção ao local do acidente, o qual é muito escuro e, logo em seguida, um animal cavalar vem em sentido contrário ao da vítima, aparentemente mancando, dando a entender que teria sido atingido.

 

Os policiais localizaram o cavalo, que não apresentava marcas de propriedade, mas tinha diversos ferimentos recentes. Um exame complementar na parte frontal da motocicleta, bem como nas vestes da vítima, foi possível constatar presença de pelagem do animal.

 

Até o presente momento não foi possível identificar o proprietário do animal, mas diligências prosseguem nesse sentido.

 

Caso foi atendido pelo Seção de Investigações Gerais (SIG) da Delegacia de Três Lagoas, juntamente com policiais militares. A vítima foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas ainda não foi localizado. 

 

Serviço

Denúncias poderão ser realizadas através dos telefones 67.3929.1173, 67.3521.4984 ou 67-99226.8210(WhatsApp).

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix