Segunda-feira, 17 de Junho de 2024


Polícia Quarta-feira, 04 de Maio de 2016, 17:39 - A | A

Quarta-feira, 04 de Maio de 2016, 17h:39 - A | A

Furtos

Polícia Militar busca esclarecer furtos em Unei de Três Lagoas

Um suspeito foi preso pela polícia na última sexta-feira, mas ele negou o crime e apontou outros dois nomes; a investigação continua

Marco Campos
De Três Lagoas para o Capital News

Nas últimas semanas, o novo prédio da Unidade Educacional de Internação (UNEI) de Três Lagoas, leste de Mato Grosso do Sul, foi alvo de ladrões que furtaram vários itens do prédio, como fios elétricos e até um transformador de energia.

Diante da situação, os policiais civis do Setor de Investigações Gerais (SIG) passaram a monitorar o local, quando então, na tarde da última sexta-feira (29), encontraram nas dependências do prédio uma pessoa de 34 anos que estava portando um alicate.

Ao ser indagado sobre a invasão, o suspeito informou que estava naquele ponto apenas para consumir drogas e que teria encontrado o alicate naquele local.

Durante a conversa com o policial, o suspeito acabou indicando nomes que seriam dos autores dos furtos, um homem conhecido como “Macaco Louco” e um adolescente de 17 anos conhecido como “Pio”.

Em uma nova diligência, a SIG encontrou a dupla apontada como os autores dos furtos e apenas um deles o maior de idade confirmou o crime.

Por sua vez, o adolescente revelou que apenas localizou parte de fiação elétrica jogada em um terreno baldio próximo, quando resolveu escondê-los para depois buscar, mas ao retornar, a fiação não mais se encontrava no local.

 “Macaco Louco” falou à polícia que vendeu a fiação elétrica furtada no prédio a um indivíduo conhecido como “Divino”, não sabendo precisar seu nome completo, nem endereço.

Durante as investigações, chegou ao conhecimento da SIG que um comerciante que compra sucatas no bairro Jardim Imperial estaria adquirindo a fiação furtada da UNEI.

Buscas no comércio indicado foram feitas, mas nenhum tipo de material ilícito ou mesmo as fiações elétricas furtadas foram encontradas no local.

Investigação vai continuar
A SIG informou que diligências prosseguirão no intuito de prender os ladrões que estão praticando furtos de fiação e demais objetos no prédio da UNEI. Os receptadores também estão na mira da polícia.

Comente esta notícia