Três Lagoas/MS, Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Sábado, 04 de Julho de 2020, 08h:35
Tamanho do texto A - A+

Prorrogada ação da Força Nacional contra crimes fronteiriços em MS

Presença está autorizada até o dia 29 de dezembro deste ano

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/Portal MS

Prorrogada a Ação da Força Nacional na Fronteira de MS

Medida já foi publicada no DOU

“Essa prorrogação mostra a importância da atuação das forças de segurança pública nas fronteiras do país, principalmente, com o Paraguai e Bolívia, que são grandes exportadores de drogas e outros produtos. E a renovação da Força Nacional vemos como um reforço para tudo o que o Estado vem fazendo nos últimos anos. Só nos seis primeiros meses, já foram apreendidas mais drogas que todo ano passado”, explica o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira, sobre a prorrogação do o emprego da Força Nacional em Mato Grosso do Sul, em combate ao crime organizado.

 

O Ministério da Justiça e Segurança Pública, prorrogou nesta sexta-feira (3) por mais 180 dias as ações de combate à criminalidade organizada. Conforme dados divulgados pelo Ministério da Justiça entre maio de 2019 – quando a Operação Hórus começou em Mato Grosso do Sul – e junho de 2020, o Vigia já resultou na apreensão de mais de 353 toneladas de drogas e apreendeu mais de 6 milhões de maços de cigarros. Com isso, estima ter causado prejuízo de mais de R$ 1 bilhão aos criminosos.

 

A presença da Força Nacional está autorizada até o dia 29 de dezembro “para atuar em ações de Polícia Judiciária no combate à criminalidade organizada no Estado”. O contingente a ser disponibilizado seguirá planejamento do Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública.

 

O Governo do Estado deve solicitar ao Governo Federal a prorrogação de outra frente da Força Nacional que atua no Estado. “Vamos pedir a prorrogação da Força Nacional nas aldeias indígenas de Dourados, Caarapó e a ampliação para área de Amambai, Coronel Sapucaia e Douradina”.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix