Três Lagoas/MS, Sábado, 04 de Dezembro de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Terça-Feira, 19 de Outubro de 2021, 13h:07
Tamanho do texto A - A+

Suspeito de atropelamento que resultou em morte é preso

Após colisão vítima foi arrastada por alguns metros até ser ‘abandonada’ no acostamento

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PCMS

Suspeito de atropelamento que resultou na morte é preso

Caso aconteceu no feriado

Polícia Civil deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva de J. C. L. S de 24 anos, investigado pelo atropelamento ocorrido na madrugada do último feriado (12) na rodovia MS-427, conhecida como estrada dos balneários, cuja ação resultou na morte de uma jovem e deixou outro rapaz gravemente ferido.

 

Em diligências no local, a equipe policial constatou que um carro colidiu na traseira da motocicleta em que o casal estava, arrastando as vítimas por alguns metros e sendo abandonado no acostamento. 

 

O condutor da motocicleta, que sobreviveu ao acidente, por estar dirigindo embriagado e por ter permitido que a garupa andasse sem capacete, foi preso em flagrante delito e escoltado até o hospital de Campo Grande, onde passa por cirurgias e aguarda alta médica. De acordo com a Polícia Civil, no decorrer das investigações, apurou-se que J. C. L. S dirigia o veículo em excessiva velocidade e teria ingerido bebida alcoólica na noite dos fatos, fugindo do local do crime sem prestar assistência ou esclarecimentos à Justiça.

 

Segundo a Polícia Civil, diante da certeza da autoria, a autoridade policial responsável representou pela prisão preventiva dos condutores, sendo a medida deferida pelo Poder Judiciário local. Nesta terça-feira (19), o motorista do carro decidiu se apresentar nesta Unidade de Polícia, oportunidade em que foi preso e transferido para o sistema penitenciário. Já o condutor da motocicleta ainda permanece sob cuidados médicos no CTI, e, quando liberado, será igualmente encaminhado ao cárcere.

 

O caso segue em investigação, sendo, ainda, apurada a conduta daqueles que organizaram o evento clandestino ou que possam porventura ter auxiliado o condutor a escapar do local do crime.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix