00:00:00 Sexta-feira, 19 de Julho de 2024


Polícia Sexta-feira, 23 de Junho de 2017, 14:34 - A | A

Sexta-feira, 23 de Junho de 2017, 14h:34 - A | A

TROCA DE TIROS

Suspeito de duplo homicídio é morto em troca de tiros com policiais

Jovem estava escondido em um matagal; comparsas no crime foram identificados e presos

Gian Nascimento
De Três Lagoas para o Capital News

Divulgação/PM

Suspeito de duplo homicídio é morto em troca de tiros com policiais

Jovem foi levado até o hospital após troca de tiros, porém não resistiu

O suspeito de assassinar o casal de idosos na noite da última quarta-feira (21), Alex Martins Teixeira, de 29 anos, foi morto nesta quinta-feira (22) em troca de tiros com policiais militares em uma fazenda, num local conhecido como Pontal do Faia,a 40 quilômetros de Três Lagoas, pra havia fugido após cometer o crime. 

 

Os militares chegaram até o suspeito por meio de denúncias, já que na fazenda moram os irmãos de Alex Teixeira. No local, os agentes questionaram a irmã, que, segundo os policiais, se mostrou nervosa, porém, negou que o jovem estivesse lá. Na sequência, o irmão de Teixeira também disse não saber do paradeiro, até que o cunhado do suspeito contou aos militares que o jovem havia chegado à fazenda logo após o crime e que minutos antes da chegada dos agentes teria fugido em um matagal.

 

Neste momento, o jovem retornou a casa e ao ver os policiais começou a disparar tiros, que foram revidados pelos militares, vindo a acertar o suspeito. Os próprios agentes levaram Alex Teixeira até o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, porém ele não resistiu aos ferimentos e morreu logo ao dar entrada no hospital.

 

Comparsas presos

Momentos depois da operação, a Polícia Militar em conjunto com o Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil prenderam também dois homens que teriam auxiliado Alex Teixeira a fugir do local do crime e também para a fazenda. 

 

Yuri Greiton de Oliveira de Melo foi apontado como o piloto da moto que esperava o acusado em frente à casa dos idosos no momento do crime. Ele foi localizado em uma residência no Bairro Jardim Imperial e disse que não sabia que o jovem iria assassinar o casal e deu a carona por medo de ser morto.

 

Já Humberto Martins é acusado de ter levado Alex Teixeira até a fazenda. Ele foi preso no Residencial Novo Oeste, onde Yuri teria deixado Alex e a moto para que Humberto levasse o jovem até a casa da irmã. Eles não responderam o porquê de não denunciar o jovem após saberem do crime e da autoria.

Comente esta notícia