00:00:00 Terça-feira, 16 de Julho de 2024


Política Quinta-feira, 20 de Abril de 2017, 10:13 - A | A

Quinta-feira, 20 de Abril de 2017, 10h:13 - A | A

Três Lagoas

Vereador é intimado pela Justiça para explicar publicação com uniforme da PF durante eleições

Acusação foi feita pela coligação do prefeito Angelo Guerreiro

Gian Nascimento
Capital News

João Maria Vicente

Vereador é intimado pela Justiça para explicar publicação com uniforme da PF durante eleições

Vereador diz estar sendo perseguido pelo prefeito Angelo Guerreiro

 

O vereador Renée Venâncio (PSDB) foi intimado pela Justiça Eleitoral para apresentar sua defesa para a acusação de se promover com o uso da Polícia Federal durante as eleições de 2016. O próprio parlamentar anunciou a convocação durante a sessão da Câmara na última terça-feira (18).

A acusação foi feita pela coligação do então candidato a prefeito, Angelo Guerreiro, que criticou uma publicação de Venâncio em uma rede social com o uniforme da Polícia Federal, a qual ele representa. De acordo com a denúncia da chapa do agora prefeito, o vereador teria usado a instituição para se promover durante as eleições e pede a cassação do mandato.

Durante a sessão, Venâncio afirmou se sentir perseguido por Guerreiro, a quem afirma ter ajudado a conquistar o atual cargo político. “Não sou eu que promove perseguição contra ele, é o contrário. Ele está perseguindo uma pessoa honesta, que o ajudou muito, inclusive a transformar Ângelo Guerreiro na pessoa que ele era antes de ser eleito deputado”, disse Venâncio.

Em um primeiro momento da ação impetrada, o juiz eleitoral Marcio Rogério Alves indeferiu o pedido, porém a acusação recorreu. O vereador ressaltou que irá apresentar sua defesa dentro do prazo legal, comprovando que não há nada de errado.

Ao site JP News, a assessoria de Guerreiro alegou que a promoção por conta do cargo público é ilegal e por isso quer a cassação do vereador. “Não trata-se de um novo processo, é o andamento daquele iniciado no ano passado. Inclusive, já tiveram algumas audiências no Fórum e o Renée não compareceu em nenhuma”, diz a nota encaminhada pela defesa do prefeito.

Comente esta notícia