Três Lagoas/MS, Domingo, 25 de Agosto de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Saúde
Sexta-Feira, 10 de Maio de 2019, 11h:36
Tamanho do texto A - A+

Governo investe e Hemocentro volta a atender comunidade

Foi desenvolvido um planejamento de estoque sanguíneo para que não falte. A obra deve ser finalizada por completo em 90 dias

Juliana Brum
De Três Lagoas para Capital News

Divulgação

Governo investe e Hemocentro volta a atender comunidade

Parte da reforma foi entregue e atendimentos regularizados

 

O Governo do Estado investiu R$ 400 mil reais para a reforma do prédio do Hemosul de Três Lagoas que apos dias fechado voltou a atender a população.

 

 O montante foi investido na recuperação do piso, telhado, fiação elétrica, fiação da rede lógica (tecnologia), pintura, manutenção das paredes, troca de pias, recuperação de banheiros, além da melhoria na dinâmica de atendimento onde são feitas as coletas de sangue. 

Conforme o coordenador administrativo da Rede Hemosul, João Barbosa, foi preciso suspender o atendimento na unidade para que parte da manutenção fosse executada. “Em Campo Grande, por exemplo, foram feitos alguns reparos, mas a unidade não precisou fechar. Nas instalações de Três Lagoas, umas das mais precárias do Estado, não conseguimos manter as coletas e realizar a recuperação do espaço ao mesmo tempo. Agora, o atendimento para coleta já está funcionando normalmente, mas os reparos vão continuar em outros setores da unidade “, disse. 

 

Para evitar problemas de desabastecimento, João explica que foi desenvolvido um planejamento de estoque sanguíneo antes do início das manutenções, sempre priorizando o atendimento à população.

 

 A expectativa é finalizar a obra em, no máximo, 90 dias. Segundo João, o Hemosul de Três Lagoas atende a região do Bolsão e recebe cerca de 300 coletas por mês.

 

O horário de atendimento da unidade, para coleta, é das 7 horas ao meio dia. 

 

Critérios para doação

 

Idade: Os doadores precisam ter entre 16 e 69 anos, segundo a nova lei da doação de sangue aprovada em 2013. O menor de idade tem que estar acompanhado de pai ou mãe ou responsável legal.  Também é importante lembrar que a primeira doação somente pode ser feita até 60 anos. Acima desta idade, apenas para quem já é doador de sangue.

 

Peso: Embora a nova lei permita a doação de pessoas abaixo de 50 Kg, a Rede Hemosul-MS reserva-se o direito de aceitar apenas doadores com 55 kg ou mais, para a melhor utilização do sangue coletado e segurança do doador.

 

Intervalo de doação: homens podem doar até quatro vezes ao ano com um intervalo mínimo de dois meses. Mulheres podem doar até três vezes ao ano com um intervalo mínimo de três meses.

 

Doenças que impedem a doação: doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes,hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

 

Medicamentos: alguns medicamentos impedem a doação. Portanto fale para o profissional de saúde que for lhe entrevistar os remédios que está utilizando.

 

Vacinas: As vacinas impedem temporariamente a sua doação. Por isso, aproveite para doar sangue antes de tomar a dose de vacina.

 

Alimentação: Não esqueça: você deve estar BEM ALIMENTADO para doar sangue. Como muitos pensam não se pode doar sangue em jejum. É diferente de quando vamos fazer exames laboratoriais de sangue, para os quais o jejum é recomendado. Mas você pode evitar alimentos com excesso de gordura quando vier doar sangue. É recomendado que se alimente bem, porém, de forma saudável.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix