Sábado, 22 de Junho de 2024


Três Lagoas Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012, 11:40 - A | A

Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012, 11h:40 - A | A

Eldorado Brasil conquista mercado exterior com 90% da produção

Samira Ayub e Bruno Chaves direto de Três Lagoas - Capital News (www.capitalnews.com.br)

A maior fábrica de celulose do planeta, em linha única, a Eldorado Brasil está instalada no km 231 da rodovia federal BR-158, numa área de 300 hectares, o que corresponde a 43 campos de futebol. A fábrica foi inaugurada oficialmente nesta quarta-feira (12), em Três Lagoas, mas opera desde o final de novembro.


Com capacidade de produção de 1,5 milhões de toneladas por ano, a Eldorado Brasil conquistou o mercado externo de celulose, sendo que 90% da produção será destinada para Ásia, Europa e América do Norte. Somente na China, o crescimento do consumo da celulose é de 10% ao ano.
Segundo o presidente da Eldorado Brasil, José Carlos Grubisich, o crescimento do consumo de celulose é de 2,5% ao ano, o que representa de 1 a 1,5 milhões de toneladas para acompanhar esse consumo.


O presidente disse ainda que o papel é o mercado que mais cresce no mundo, e a Eldorado é a primeira empresa no setor da celulose depois da crise em 2008. “Quem chega primeiro bebe água limpa”, afirmou Grubisich.

A fábrica mantém uma relação direta e a longo prazo com seus clientes, e ainda neste mês de dezembro será feito o primeiro embarque para a China. A Eldorado Brasil também irá exportar para a Itália, Alemanha e França, e na América do Norte, para os Estados Unidos e Canadá.

O presidente informou ainda que os contratos serão de um a três anos e a primeira produção da fábrica foi encaminhada para os clientes brasileiros, que correspondem a 10% da produção total.
 

Sustentabilidade - O diferencial da fábrica no mercado está no projeto de aliar a competitividade com a sustentabilidade, que utiliza energia elétrica verde e renovável produzida pela fábrica com os resíduos da madeira do eucalipto. A previsão é que a fábrica seja abastecida com gás natural

 

Comente esta notícia