Terça-feira, 25 de Junho de 2024


Três Lagoas Segunda-feira, 08 de Setembro de 2014, 16:37 - A | A

Segunda-feira, 08 de Setembro de 2014, 16h:37 - A | A

Homem queimado por mulher está na Santa Casa

Gilson Giordano - (www.capitalnews.com.br)

Diante da gravidade, o paciente identificado apenas pelas letras inicias do nome J.A. F,, de 31 anos após ter o seu corpo parcialmente queimado, teve que ser transladado de Três Lagoas para Campo Grande, devido à gravidade ocasionada pela queimadura.

Segundo o site Perfil News, na madrugada deste domingo (7), o casal, ele J.A. F, de 31 anos e a mulher V.A.N. D, de 23 começaram a discussão na casa onde ambos residiam em uma casa localizada no Bairro Carioca, em Três Lagoas.

J.A.F. passou a agredir verbalmente a mulher e conforme o site, a mulher teria despejado um litro de álcool no corpo do amásio e impediu o mesmo de sair de dentro da residência e em seguida usou um isqueiro para atear fogo no corpo do homem.

Com as chamas se propagando rapidamente, o irmão de V.A.N.D usou um coberto para tentar debelar o fogo que naquele momento praticamente consumia o corpo do homem. A mulher ainda ajudou e usou baldes com água até cessar de vez o fogo.

A própria amásia ajudada pelo irmão, cujo nome não foi divulgado, levaram J.A. F para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foram constatadas queimaduras de 2º e 3º graus, queimando a cabeça, tórax, abdômen e braços. Após os primeiros atendimentos feitos na UPA, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), foi acionada para encaminhar o homem ao hospital municipal onde permaneceu sob cuidados médicos.

No entanto, devido às gravidades dos ferimentos, J.A.F. teve que ser transportado às pressas para a Santa Casa de Campo Grande, em estado grave.

A autora recebeu voz de prisão e foi encaminhada para a Depac. O Delegado de plantão revelou que, de acordo com as informações do corpo clinico hospitalar de Três Lagoas, J.A.F. teria poucas chances de sobreviver.
 

Comente esta notícia