00:00:00 Quinta-feira, 25 de Julho de 2024


Cotidiano Segunda-feira, 14 de Junho de 2021, 15:21 - A | A

Segunda-feira, 14 de Junho de 2021, 15h:21 - A | A

Covid-19

Bandeira Cinza: Prefeitura e comerciantes debatem medidas de restrição

Município aguarda parecer do governo do estado para voltar a bandeira vermelha

Lethycia Anjos
Capital News

Divulgação/PMTL

Bandeira Cinza: Prefeitura e comerciantes debatem medidas de restrição

Reunião entre representantes do comércio e do município

Prefeitura de Três Lagoas por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a Procuradoria Jurídica do Município se reuniu nesta segunda-feira (14), com representantes do comércio local e Ministério Público, para debater as medidas restritivas adotadas após a classificação da Bandeira Cinza. A última atualização do mapa Prosseguir enquadrou Três Lagoas e outros 43 municípios na bandeira cinza, o que representa risco extremo de contágio da Covid-19.

 

Angelo Guerreiro, prefeito do município, encaminhou na última quinta-feira (10), ao Governo do Estado uma justificativa técnica solicitando que o município volte a bandeira vermelha. A solicitação leva em consideração as restrições que a cidade terá que estabelecer durante a bandeira cinza e os impactos que podem gerar ao município. Conforme a assessoria, até o momento, o Estado não deu parecer sobre o documento, na última sexta-feira (11) a secretária de Saúde de Três Lagoas, Elaine Fúrio informou que o ofício foi analisado pela Secretaria Estadual de Saúde e encaminhado à Procuradoria Geral do Estado, onde receberá o parecer favorável ou não.

 

A reunião contou com representantes da Procuradoria do Ministério Público do Trabalho, Defensoria Pública de Três Lagoas, Sindicato do Comércio Varejista de Três Lagoas (SINDIVAREJO); da Associação Comercial e Industrial de Três Lagoas (ACITL) e do Sindicato dos Empregados no Comércio de Três Lagoas, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes Regional Costa Leste (ABRASEL).

 

Conforme a administração municipal, foram ouvidas todas as reivindicações de representantes dos setores, mediante as restrições impostas com a nova bandeira. O município comunicou que irá avaliar as demandas e divulgará um parecer referente às solicitações.

 

Comente esta notícia